Justiça vai decidir destino dos acusados de cometer fraude em licitação que originou CPI das Galerias em Vitória e causou assassinato do advogado Marcelo Denadai

A 3ª Vara da Fazenda Pública Estadual de Vitória vai bater o martelo, a qualquer momento, no processo de número 024.06.011334-7, que é uma ação de Improbidade Administrativa contra um grupo de ex-secretários Municipais de Vitória na época em que o prefeito da capital era Luiz Paulo Vellozo Lucas (PSDB), hoje candidato a deputado federal pela coligação ‘O Espírito Santo Pode Muito Mais’, da qual fazem parte também o PMDB e o DEM. As supostas irregularidades cometidas pelo grupo provocaram a abertura da CPI das Galerias. Devido a sua atuação na CPI, o advogado Joaquim Marcelo Denadai acabou sendo assassinado em abril de 2002. Luiz Paulo foi prefeito de Vitória no período de 1998 a 2005.

Delegado Fabrício Dutra fala da satisfação de assumir a Secretária de Segurança Pública e Defesa Social de Cariacica

O delegado de Polícia Civil Fabrício Dutra é um profissional destemido. Sua vida é recheada de desafios. Em 1987, fez vestibular e foi aprovado para o curso de Comunicação Social da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes). Era novo, tinha apenas 17 anos de idade, precisava trabalhar e passou a ajudar o pai no comércio: a família era dona da antiga loja Dragão dos Retalhos, na Vila Rubim, em Vitória.

Pesquisa revela como os operadores de segurança pública gostariam que fosse a polícia brasileira

As forças de segurança pública no Brasil precisam passar por um processo urgente de reorganização para se tornarem mais eficientes. E quem afirma são os próprios agentes de segurança pública. De acordo com a pesquisa “Opinião dos Policiais Brasileiros sobre Reformas e Modernização da Segurança Pública”, realizada pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP), Escola de Direito da Fundação Getúlio Vargas (FGV/Direito-SP) e Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), as polícias deveriam ser organizadas em carreira única, integrada e de natureza civil. A pesquisa foi apresentada em entrevista coletiva nesta quarta-feira (30/07), na FGV de São Paulo.

Tribunal de Contas do Espírito Santo considera legal militar receber indenização de magistério para dar aula no CFA e determina ao Comando Geral a implantar “Diário de Bordo” em todas as viaturas da PM

O Tribunal de Contas do Estado publicou acórdão em que julgou improcedente denúncia do extinto Grupo Executivo de Controle Externo da Atividade Policial (Gecap), do Ministério Público Estadual, que informava sobre a “acumulação de cargos públicos remunerados” pelo corpo docente do Curso de Formação de Soldados (CFSd) e do Curso de Habilitação de Sargentos (CHS), no exercício de 2011. Por outro lado, os conselheiros do TCE determinaram ao Comando Geral da PM que implante e mantenha controle específico com características de “Diário de Bordo” em todas as viaturas da corporação.

Exclusivo: Rodney Miranda está aposentado como delegado da Polícia Federal

Ex-secretário de Segurança Pública do Estado, ex-deputado estadual e atual prefeito de Vila Velha, Rodney Rocha Miranda (DEM) não é mais dos quadros da ativa da Polícia Federal. Ele se aposentou há pouco mais de um mês. Rodney Miranda ficou afastado – licenciado com vencimentos – da Polícia Federal por mais de 11 anos. Foi o período em que começou a sua história “de amor e ódio” com o Espírito Santo. Hoje, sem força na polícia que o projetou para o País, ele encabeça o grupo que apoia a candidatura do ex-governador Paulo Hartung (PMDB) ao governo do Estado.

Ledir Porto não veste farda e nem é autoridade policial, mas defende mudanças objetivas e concretas para fortalecer a segurança pública no Estado

Aos 46 anos de idade, Ledir Porto (PSB) já quebrou paradigmas. Ele saiu das camadas mais simples e humildes da população para exercer as Secretarias de Defesa Social da Serra e de Vila Velha. Depois de sair de Vila Velha, Ledir Porto assumiu a Coordenadoria Estadual Sobre Drogas, atendendo a um convite do governador Renato Casagrande. Nunca foi operador de segurança pública, mas entende do assunto como ninguém.

Grupo de elite que usa o diálogo para inibir motins em presídios capixabas tem novo diretor: Leonardo Carneiro, o Van Damme

A Diretoria de Operações Táticas (DOT),  grupo especial que atua nas unidades prisionais do Espírito Santo em época de crise, tem novo comandante. Trata-se do inspetor penitenciário Leonardo Carneiro de Andrade, o Van Damme, que entra no lugar do diretor que acaba de ser exonerado depois de liderar um grupo de agentes que há algum tempo passou a xingar, caluniar, difamar e a criticar o secretário de Estado da Justiça, o delegado federal licenciado Eugênio Ricas, e demais servidores da Sejus, a quem a DOT está subordinada, pelas redes sociais.

Secretário Marcelo Nolasco quer ampliar Programa Botão do Pânico para atender mais mulheres vítimas de violência doméstica em Vitória

A Prefeitura Municipal de Vitória estuda a possibilidade de ampliar para 300 o número de aparelhos do botão do pânico para aumentar o volume de mulheres, vítimas de violência doméstica na capital, a serem beneficiadas pelo programa, instituído há pouco mais de um ano em parceria do Executivo Municipal, Tribunal de Justiça do Estado do Espírito Santo e Instituto Nacional de Tecnologia Preventiva (INTP). A  informação é do secretário de Cidadania e Direitos Humanos do Município de Vitória, Marcelo Nolasco, que é delegado de Polícia Civil licenciado. O secretário fez, para o Blog do Elimar Côrtes, um balanço do programa, criado em março de 2013 e implantado, efetivamente, em abril do mesmo ano.
 

Blog do Elimar Côrtes Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger